quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

FERNANDA QUEM?

É fato que criticar colegas da mesma profissão é antiético, mas como eu não sou um escritor profissional não terei qualquer pudor ao descer a lenha em uma escritora da esfera global que fez sucesso relâmpago: Fernanda Young. A autora em questão escreveu uma série da qual, confesso, eu gosto muito. Quem nunca se divertiu com as loucuras de Ruy e Vani? O programa “Os Normais” foi sucesso garantido durante um bom tempo.

Até então, eu não havia procurado por mais nada que fosse escrito pela moçoila – até porque não me interessei. Eu tocava a minha vidinha tranquilamente até me deparar com um outro trabalho da autora, outra série global de nome “O Sistema”. Que porcaria foi aquela? Se existe um ator que eu adoro é o Selton Mello, mas por que raios ele tinha que manchar a carreira com... com... com aquela coisa?

A partir deste dia eu passei a duvidar do talento, e até mesmo da sanidade, da tal Fernanda Young. Aliás, sanidade que foi esquecida pela direção da emissora ao autorizar aquela série bizarra, sem pé nem cabeça, que de tanto querer ser engraçada acabou se tornando um fiasco.

Até aí, nada de novo. Tudo o que eu escrevi foi insistentemente martelado por críticos de verdade, o que me surpreendeu foi estar em casa uns dias atrás e – ao passar de canal – notei que a GNT tem um programa chamado “Irritando Fernanda Young”. A razão de eu não ter visto isso antes é que, até então, eu não tinha GNT em casa.

Bom, voltando ao assunto, eu procurei assistir ao programa para tirar de vez as minhas dúvidas e não ficar com aquela sensação de ter uma idéia formada pelo que os outros disseram. Eu assisti... Infelizmente! Procurei por outros episódios na internet e percebi que são todos iguais.

A proposta do programa é ser irritante e mostrar coisas irritantes de uma maneira engraçada, mas o programa é irritante de tão sem graça. Eu não consegui assistir a um episódio inteiro, sempre parei na metade. A coisa toda é idiota e só os convidados prestam, mas acabam sendo eclipsados pela chatice da entrevistadora sem noção. Eu gostaria de saber quem foi que disse que ela é engraçada.
Pior ainda é ver a legião de anencéfalos baba-ovos que a tratam como se ela fosse a nova Cecília Meireles, como se os seus textos fossem o supra sumo da originalidade.

Nessas horas eu fico me perguntando como ela conseguiu fazer a Globo engolir tanto lixo. O mais provável é que algum diretor graúdo da emissora esteja comendo a Fernanda Young, só isso explicaria tamanha crueldade com as nossas mentes.

Um comentário:

Carlitos disse...

Confesso q o unico trabalho q conheço dela é "os normais". Nunca assisti esse programa trasmitido pela gnt, porém o contexto me pareceu absurdamente imbecil!!!